Igreja Anglicana

Loading...

Páginas

sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Província Anglicana de Cristo Salvador


Seja por todos conhecidos que Nós + Victor Manuel Cruz-Blanco, pela Divina Providência, Arcebispo Ordinário e Metropolitano, e o Bispo Enrique Jiménez Sarta, da Província Católica de Rito Anglicano da América Latina - Igreja Anglicana do Caribe e Nova Granada, na família das Igrejas Católicas do Ocidente de Rito Anglicano, Comunhão Internacional da Igreja Anglicana, da Província Católica do Rito Anglicano da Província da América Latina na Igreja, Una, Santa, Católica e Apostólica, instala de designa canonicamente a nova Província Anglicana de Cristo Salvador, com seu Arcebispo Primaz

                              Sua Graça Revma Theodoro A. C. de Oliveira


A Província Anglicana de Cristo Redentor terá os Bispos: James A Roque e o Bispo Frederick Haas com jurisdição na Europa, aqueles que o auxiliarão como corpo colegiado ao Arcebispo Primaz, Sua Graça Theodoro A. C. de Oliveira. A nova Província do Brasil manterá os laços históricos e a plena comunhão in sacris como Província Original da América Latina. A autonomia e independência da Província Anglicana do Brasil é de caráter plemo e de natureza canônica e administrativa.

No testemunho de que, inserimos como segue nosso selo a assinatura da Pró-Catedral Nossa Senhora Rainha da Paz de Barranquilla, de viste e um de setembro, no décimo quinto domingo da Trindade e Festa de São Mateus Evangelista, do ano do Senhor de dois mil de dezessete (2017), e no vigésimo ano de nossa sagração.


                           Sua Graça Revma + Victor Manuel Cruz-Blanco


                 Arcebispo Ordinário e Metropolitano da Província Católica de Rito Anglicano


                            Na família das Igrejas Católicas do Ocidente de Rito Anglicano



                                        Comunhão Internacional da Igreja Anglicana


                                      Sua Graça Revma + Dom Enrique Jiménes Sarta

Sagração Episcopal de Dom Theodoro Oliveira


O Monsenhor Theodoro A. C. de Oliveira foi ordenado na noite de 9 de fevereiro de 2015, Bispo da Diocese Anglicana Santa Mãe de Deus, em Votorantim.

A cerimônia, que contou com a presença de centenas de fiéis, foi realizada no Satuário Theodoro Mártir, na Barra Funda, em Votorantim. Participaram da ordenaçãoDom Victor Manuel Cruz-Blanco, Arcebispo Metropolitano da Província Católica de Rito Anglicano da Colômbia (que foi o peincipal sagrante), Dom James Roque, Bispo da Diocese Anglicana de Japi, e Dom Rafael Ribeiro Campos, Abade Nulius da Abadia Cisterciense S. Raphael, de aparecida de Goiânia, Go.

O novo Bispo é formado pelo Pontifício Colégio Grego em Roma, tendo cursado Filosofia, Teologia, e Mestrado em Filosofia da Missão na Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma.

Graduado em Serviços Sociais pela Unitins;

Pós-graduado em Psicoterapia Breve Operacionalizada pela Unip;

Pós-graduado em Sociologia pelas Clarentianas - Rio Claro/SP.

Ordenado diácono aos 29 de junho de 1993, na Catedral de São Demétrio - Piana Degli Albanesi (PA) Itália

Ordenado sacerdote na Basílica Santa Cecília, em Roma, em 17 de dezembro de 1994.

Sagrado Bispo em 9 de fevereiro de 2015..


Como tudo começou


O cristianismo chegou às Ilhas Britânicas no final do primeiro século, levado por cristãos que fugiam das perseguições. Ali a Igreja Cristã foi estabelecida inicialmente entre os celtas que enviaram três bispos ao Concílio de Arles, em 314. Em 597, o Papa Gregório Magno, enviou missionários para evangelizar o sudeste da Grã-Bretanha, região conhecida por Kent, onde habitavam os anglo-saxões. Esta missão foi liderada pelo abade beneditino, Agostinho, que seria o primeiro Arcebispo de Cantuária. A partir de então, a Igreja de Roma tentou por várias vezes submeter aquela Igreja, o que só aconteceu em 663, quando a Igreja Celta aceitou se submeter à Sé de Roma.

Muito tempo depois a Igreja da Inglaterra saiu do domínio da Sé de Roma, em 1534, por  decisão do Parlamento Britânico, tendo sido influenciada pelo Movimento da Reforma Protestante.

Em 1888 foi que já com o aparecimento da Comunhão Anglicana, liderada pela Igreja da Inglaterra, tendo ainda a Igreja Episcopal Escocesa e a Igreja Protestante Episcopal dos Estados Unidos, surgiu o Quadrilátero de Lambeth:

a)  Sagrada Escritura - contendo todas a revelações necessárias para a salvação do homem;

b) Os Credos: Apostólico e Niceno-Constantinopolitano: a confissão batismal da fé;

c)  Os Sacramentos: Batismo e Eucaristia instituídos por Jesus Cristo, e os cinco ritos sacramentais, a saber: Confirmação, Penitência, Unção dos Enfermos, Ordem e Matrimônio;

d) O Episcopado Histórico: reconhecendo a sucessão episcopal de diferentes ramos da Igreja indo até os tempos apostólicos.


Em 1977 surgiu o Movimento Anglicano Continuante, em resposta às inovações da Igreja Episcopal dos Estados Unidos e assimiladas por outras Províncias da Comunhão Anglicana.

O Livro de Oração Comum e o Livro do Culto Divino são os livros litúrgicos adotados pela Igreja.